Sobre o "Hell Club"

Um comentário de um "infernauta" a respeito do pedido de doações para o site, com a resposta logo abaixo.
"Vcs não vão gostar do meu comentário, mas vou dizer. Pedem ajuda pra manter o site no ar, mesmo sem terem condições. Veja bem, eu sou fã de terror, mas não gosto de contribuir com coisas que não me oferecem vantagens diretamente. Sim, é um site e eu gosto de ler as matérias, mas por que vcs não hospedam o site gratuitamente? Claro que o consumo de banda é enorme, mas usem a criatividade. Limitem a quantidade de usuários de maneira a não congestionar o servidor. Ou retirem do ar em determinados horários, por exemplo, de madrugada ou de manhã.O Brasil já possui muitos impostos e quase não recebemos nada de volta. Questões como saúde e escola pública são precárias. Obriga o cidadão a pagar por serviços que o governo deveria oferecer. A TV aberta sofre intervenção da censura(tadinhas das crianças, "tão" ingênuas) e já não mostra nenhum filme de terror e QUANDO aparece algum, não presta. E vcs ainda querem que paguemos mais coisa." (Anônimo)
Resposta:
"Desculpe, caro Anônimo, mas você não é fã de terror. E quanto a oferecer vantagens, imagino que um boa leitura de um artigo bem escrito possa oferecer a você uma boa vantagem, não? Se não, a negação que fiz no começo faz ainda mais sentido.
Não existe provedor gratuito que possa hospedar um site com o peso do Boca do Inferno. Tinhamos antes uma hospedagem do hpg, mas fomos obrigados a migrar quando o tamanho excedeu o limite e o site ficava fora do ar sempre que atingia o limite de visitas. Retirar o site do ar na madrugada? Seria uma solução tão absurda quanto aquelas que filmes clichês utilizam para justificar os atos dos vilões. Primeiro porque, acredito, que não exista provedor que faça isso; segundo, temos que respeitar os fãs noctívagos do site.
Você faz parte daquela quota de pessoas que citamos no artigo de pedido de ajuda: aqueles que reclamam demais e não fazem nada para ajudar. Se o governo não valoriza a saúde e a educação, o que você faz para mudar isso? Se a TV aberta não oferece filmes de terror de qualidade, o que você faz para melhorar isso? Eu te respondo: prefere fazer reclamações anônimas ao invés de contribuir com doações para instituições que necessitam ou lutar por melhores condições de saúde e educação. Lutar não é reclamar, é fazer algo que possa contribuir para a mudança.
Não queremos que vocês paguem mais coisa. Simplesmente, estamos pedindo uma colaboração que serve ao mesmo tempo para manter o site no ar como também para motivar os fãs do gênero a fazerem alguma coisa. Claro, isso não inclui você, certo?"

3 Necronomicon:

Sem Comentários...esta é a lei da internet: aproveitar sem nunca ajudar!

15 de dezembro de 2008 12:24  

Um absurdo... eu comprei a camisa, as revistas e pretendo contribuir ainda mais... é o meu site preferido da internet...

20 de dezembro de 2008 11:28  

O sujeito gosta tanto de terror quanto eu gosto do programa da Maísa. "Dããã, não gosto de contribuir com sites que não me ajudam diretamente". E ler matérias excelentes e interessantes não é uma ajuda direta? Ah, espere, sabem qual o problema? Tem gente que acha que "leitura" não constitui um bem, que "cultura" não serve para nada, e etc. Triste.

Mas enfim, a resposta do mestre infernauta foi perfeita, e não há nada mais a acrescentar. Eu já comprei as primeiras edições da revista do site (digo isso só pra não me tacharem de hipócrita), e aguardo o lançamento da edição 4. Além da satisfação de ajudar, posso garantir que as revistas são bem legais.

Flow!

14 de março de 2009 12:56  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial